• Coronavírus

CEE/BA

22/05/2020 16:05

178 anos do Conselho Estadual de Educação será celebrado com debate sobre o Sistema de Educação e o Papel dos Conselhos

ADIADO PARA 28/05/2020.

O primeiro Conselho de Educação do Brasil, criado em 25 de maio de 1842, completa 178 anos de atividade em prol da educação da Bahia e do Brasil. Na próxima segunda-feira (25), a partir das 14 horas, ocorrerá a Sessão Plenária Comemorativa do Conselho Estadual de Educação da Bahia (CEE/BA), a ser transmitia pelo Youtube, com a discussão sobre o Sistema de Educação e o Papel dos Conselhos, destacando os desafios para o enfrentamento da crise ocasionada pelo novo Coronavírus (COVID-19) e para o período pós-pandemia.

O CEE/BA convidou os professores Walisson Maurício de Pinho Araújo e Luiz Fernandes Dourado para aprofundarem nas questões da gestão democrática, formulação, organização, ação sistêmica e da regulação. O professor Walisson é mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Linha de Pesquisa: Estado, Políticas e História da Educação (FE-UFG); e o professor Luiz é Titular e Emérito da UFG, doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1997) e pós-doutorado em Paris/França na École des Hautes Études en Siences Sociales (EHESS, 2010).

CEE/BA - Órgão representativo da sociedade na gestão democrática do sistema estadual de ensino, o Conselho Estadual de Educação, vinculado à Secretaria da Educação do Estado da Bahia, possui funções deliberativas, normativas, fiscalizadoras e consultivas. Ele credencia instituições, autoriza funcionamento de cursos, reconhece cursos superiores ministrados pelas Universidades Estaduais, viabiliza regularização de vida escolar, apura denúncias envolvendo estabelecimentos de ensino, fornece orientações.

O Conselho é composto por 24 membros titulares, nomeados pelo Governador do Estado, presidido pelo professor Paulo Gabriel Soledade Nacif e o vice-presidente Roberto Gondim Pires. Integraram o CEE/BA, em momentos históricos distintos, os professores Luiz Rogério de Souza, Edivaldo Machado Boaventura, Germano Tabacoff, Luiz Felippe Perret Serpa, Rômulo Galvão de Carvalho, José Rogério da Costa Vargens, entre outros nomes não menos importantes.


Fonte: Núcleo de Comunicação e Modernização - NCM/CEE

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.